Como fazer grana extra em meio ao isolamento social

A gente já sabe que a recomendação da Organização Mundial da Saúde é fazer o isolamento social, né? Então para te ajudar nesse momento preparamos algumas dicas para você. Vamos falar sobre ganhar uma graninha extra mesmo com final da quarentena.

Sabemos que muita gente não tem trabalho fixo e faz um corre danado para dar conta dos boletos no fim do mês. Se você está preocupado porque não pode parar de trabalhar ou porque precisa sair de casa para fazer sua função ou porque se parar de trabalhar para de receber, segura aí. Temos algumas opções que podem te dar alívio e trazer uma renda extra neste período. Vamos lá? 

Dica número 1:

Organize todas as suas coisas e separe os objetos que você não usa e que são bom estado. Agora anuncie tudo em sites de venda online. O que não serve para você pode salvar outra pessoa que esteja precisando fazer uma compra mais barata. Além de te ajudar a levantar uma graninha você pode ser uma mão na roda para outras pessoas também. Isso é consumo consciente!

Dica número 2:

A quarentena mudou a rotina de todo mundo. Quem não sabia cozinhar está pedindo delivery. Mas vamos combinar que pedir comida todo dia acaba com o orçamento não é? E aí que você entra. Sabe fazer aquela comidinha gostosa? Então bote a mão na massa. Você pode fazer marmitas fit, bolos, doces, tortas e anunciar para o grupo do condomínio, família, amigos… Dá para fazer uma graninha, hein. Mas olha só: Comece conforme os pedidos forem chegando, ok? Assim você evita desperdício e prejuízo.

Dica número 3:

Com certeza a demanda por trabalhos online vai aumentar. Surfa nesta onda  e ocupa seu tempo ganhando dinheiro. Qualquer habilidade que você tem pode virar um serviço online. Use sua criatividade para sair do aperto. Quer alguns exemplo? Então anota ai. Você pode fazer:

  • artesanato
  • costura
  • elaboração de convites
  • aulas de idiomas
  • aulas de instrumento musical
  • aula de reforço para crianças e adolescentes que estão de férias antecipadas
  • edição de fotos
  • produção gráfica

Ah gente… a lista é grande e se tem uma coisa que brasileiro dá show é na criatividade, não é mesmo?

E por último meu anjo, uma dica bônus para você.

Dica Bônus

Várias plataformas de ensino estão oferecendo cursos gratuitos nessa quarentena. Muitos  deles dão até certificado. Tem até curso de Harvard de graça. Minha gente… maravilha não é? Aproveita essa oportunidade para aprender algo novo ou se especializar na sua área. 

Parlamento Jovem Paulista

O Parlamento Jovem Paulista foi instituído pela Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo com o objetivo principal de possibilitar aos estudantes brasileiros uma visão de alguns aspectos da democracia.

Consiste em uma sessão especial da Assembléia Legislativa do Estado de São Paulo que acontece desde 1999. Nesse dia, os deputados estaduais cedem os seus lugares para jovens estudantes, da rede pública e privada, de todo o Estado. Os deputados jovens são empossados e dirigem todos os trabalhos da sessão, apresentam propostas para melhorar as condições de vida da sociedade e falam sobre suas idéias.

Saiba mais:
https://www.facebook.com/ParlamentoJovemPaulista

Open Spending

Open Spending é um aplicativo que permite que cidadãos examinem aonde as taxas que pagam ao governo estão sendo usadas, através de visualizações interativas.

Como funciona?

No aplicativo, usuários podem fazer uploads de qualquer tipo de dado financeiro do governo e explorarem os dados com visualizações interativas. Usuários também podem publicar orçamentos, gastos governamentais e até salários públicos. A ferramenta também permite que o usuário a customize, facilitando a navegação por área de interesse.

Saiba mais: https://openspending.org/

Fundación Ciudadano Inteligente

Fundación Ciudadano Inteligente é uma organização sem fins lucrativos de Santiago, Chile que usa a tecnologia para promover transparência e participação democrática. A organização cria tecnologias na web para servirem como principais ferramentas para juntar, organizar, ilustrar e dividir informações na web, visando promover ações de cidadãos informados. A organização é supra partidária e posiciona-se apenas a favor das causas de transparência fiscal e democracia participativa.

Saiba mais: http://ciudadanointeligente.org/

Brasil: Meu Congresso Nacional

No site meucongressonacional.com cidadãos brasileiros podem encontrar informações sobre o mandato dos nossos parlamentares: Deputados Federais e Senadores. O site disponibiliza dados sobre as comissões que cada um participa, os projetos de lei ou de emenda da constituição que cada um já apresentou, e principalmente dados sobre os gastos relacionados às cotas parlamentares além de permitir que usuários possam verificar quais empresas receberam pagamentos relacionados à cota parlamentar, verificar algumas estatísticas e visualizar a localização delas no mapa, com o intuiro de empoderar a população para que qualquer um possa descobrir e identificar empresas fantasmas.

Os idealizadores do site queriam propor algo realmente útil, que pudesse ajudar a população a escolher melhor nossos parlamentares nas eleições de 2014.

Saiba mais: http://meucongressonacional.com/

Israel: Serviços Online Customizados

Israel tem melhorado os serviços de e-government a cada ano e é atualmente considerado o país com o melhor e-government da Ásia Ocidental. No portal de Israel a população pode consultar dados do governo e usufruir de serviços através de três filtros: ‘público alvo’, ‘tópicos de interesse’ e ‘eventos’.

A plataforma também permite que cidadãos criem um portal customizado dentro do site do governo, chamado “MyGov”. No “MyGov” usuários escolhem os filtros que mais os interessam e deixam seus dados gravados no sistema para as próximas visitas.

Saiba mais: http://www.gov.il

Assembléia Popular Horizontal

A Assembléia Popular Horizontal é um espaço aberto, horizontal e autônomo que converge lutas, movimentos e pessoas em Belo Horizonte. O coletivo faz uma convocação coletiva, geral e irrestrita para todos (indivíduos, grupos, coletivos, organizações, partidos e outros) interessados em discutir sobre futuras ações e manifestações. A APH-BH não é uma convocação para manifestação, mas para um fórum de diálogo horizontal e autônomo para formular pautas e propostas para próximas mobilizações.

As questões são apresentadas, discutidas e deliberada NO ATO, debaixo de um viaduto em Belo Horizonte. A Assembleia se organiza em 11 eixos temáticos, e possui comissões diversas que articulam as decisões das sessões.

Saiba mais: https://www.facebook.com/AssembleiaPopularBH

http://aph-bh.wikidot.com/

OPAVIVARÁ

Opavivará é um coletivo do Rio de Janeiro representado pela galeria de arte ‘A Gentil Carioca’. O coletivo propõe a inversão do modo de ocupação do espaço urbano, através da criação de dispositivos relacionais que proporcionam experiências coletivas. Desde sua criação, em 2005, o grupo vem participando ativamente no panorama das artes visuais do Brasil.

Saiba mais:http://opavivara.com.br/

Colab: Gestão participativa com a facilidade das redes sociais

Quando você vê um buraco na rua, como faz para reclamar? Já tentou denunciar algum tipo de irregularidade para a prefeitura? Difícil pensar nesse tipo de tarefa sem muita burocracias, papeladas e complicação. Mas e se tornar sua cidade melhor for tão simples quanto compartilhar uma foto no facebook ou instagram? Isso já é possível em qualquer cidade do Brasil graças a um grupo de jovens empreendedores em Pernambuco.

“Nós já tínhamos experiência, conhecíamos os políticos e vivíamos os problemas da cidade. Foi então que percebemos que podíamos fazer a ponte entre os cidadãos e a prefeitura.”

Essa é a principal ideia do nascimento do Colab segundo Gustavo Maia, um dos criadores do aplicativo. Os profissionais usaram seus conhecimentos em marketing digital para a criação de uma rede social em que qualquer cidadão pode se cadastrar, postar fotos com os problemas da cidade e ter sua avaliação, sugestão ou reclamação enviada para a prefeitura de sua cidade, e receber informações sobre o encaminhamento da demanda até a sua solução. O sucesso da iniciativa comprova-se pelos mais de 50 mil cadastros na rede e pelo prêmio de melhor aplicativo urbano do mundo, segundo o AppMyCity da New Cities Foundation.

 

A iniciativa começou em Pernambuco de maneira completamente independente na cidade de Recife, com as potagens do site sendo encaminhadas manualmente para a prefeituras pela equipe do Colab.

“As pessoas não sabem quais são os caminhos, como entrar em contato com o poder público. Nós facilitamos a vida do cidadão.”

Com a visibilidade gerada pelo prêmio e o crescimento do número de usuários, logo surgiu o interesse por parte das prefeituras. A primeira a buscar o Colab  foi a Prefeitura de Curitiba, e dessa parceria começou a ser desenvolvido uma ferramenta de gestão que hoje atende 27 cidades. Com ela, os gestores públicos podem administrar as demandas cadastradas no Colab, encaminhá-las para os órgãos responsáveis e analisar o desempenho na solução dos problemas apontados pela população.

“A prefeitura tem a sua disposição uma ferramenta de monitoramento e um canal para se comunicar diretamente com a população. Acreditamos que essa aproximação é essencial e estamos vendo resultado.”

Gustavo Maia conta que não são poucos os comentários elogiosos de cidadãos que veem suas demandas atendidas de forma  ágil e transparente. Além disso, as próprias prefeituras organizam eventos para reconhecer os cidadãos mais ativos na plataforma e trocar ideias com essas pessoas que se mostram sinceramente interessadas em tornar a cidade um lugar melhor. Iniciativas como o Colab empoderam o cidadão, abrem canais de diálogo com poder público e mostram, na prática, os benefícios da participação e da transparência.